Quem Somos

Quem Somos

A ACIMD defende os interesses de todos os comerciantes e industriais associados, seu prestígio e dignificação, contribuindo, na medida do possível, para o harmónico desenvolvimento do comércio local.

Sobre Nós

Foi a defesa da abertura da fronteira com Espanha que esteve na génese da união dos comerciantes mirandeses e, consequente, da criação da Associação Comercial e Industrial, oficialmente constituída no dia 16 de Outubro de 1986. Por óbvias razões geográficas, a economia do município de Miranda do Douro sempre esteve interligada com os povos vizinhos de Espanha.

Com o êxodo da população para os grandes centros urbanos ou para o estrangeiro, com as distâncias que ainda separam Miranda do Douro do resto do país e até da capital de distrito, naturalmente, os mirandeses viraram as suas atenções e vocacionaram os seus negócios para Espanha. Uma decisão acertada que conseguiu impulsionar o crescimento económico do concelho e contribuiu de forma decisiva para que muitos mirandeses tivessem a oportunidade de trabalhar, de se fixar, na sua terra. A Associação Comercial e Industrial esteve desde a primeira hora envolvida nesta transformação que ocorreu na década de 80 e continua com a mesma visão de promoção e projecção da imagem do município no exterior, tendo como grande principio a defesa dos interesses do todos os comerciantes e industriais associados, seu prestígio e dignificação, contribuindo, na medida do possível, para o harmónico desenvolvimento do comércio local.

Mas o paradigma comercial não pode estagnar, nem se pode focalizar apenas nas povoações mais próximas. Miranda já ganhou nome, tornou-se numa espécie de “marca” e, por isso, deve responder aos novos desafios, às novas exigências, apostar na modernização, na formação e na qualificação dos seus serviços.

Esse tem sido também o papel da Associação e daí a estreita colaboração com outros organismos oficiais, como a Câmara Municipal de Miranda do Douro, o Instituto de Emprego e Formação Profissional, o Instituto de Apoio às pequenas e Médias Empresas (IAPMEI) e tantas outras entidades, cuja colaboração pode ajudar na resolução de sociais, económicos e fiscais de todos os sectores.

Atividades

A nível das actividades prosseguidas pelos associados da Associação Comercial e Industrial de Miranda do Douro, o sector predominante é o terciário. Na verdade, o comércio e serviços representam 85% das actividades exercidas pelos seus associados, sendo:

  • 65% – Comércio e serviços
  • 35% – Hotelaria e restauração
  • 10% – Bens essenciais
  • 5% Artesanato
  • 10% – Industria